mundo do trabalho

Mais de 13 milhões de brasileiros estão desempregados

noticia | 10/02/2018 | Da Redação

A taxa média anual de desemprego no Brasil subiu de 11,5% em 2016 para 12,7% este ano. É a maior da série histórica da pesquisa, iniciada em 2012, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

A média de desempregados pulou de 6,7 milhões para 13,2 milhões, um aumento de 97%, entre 2014, quando a taxa de desocupação atingiu o menor patamar (6,8%), e 2017.

No mesmo período, que coincide com a ruptura democrática vivida no Brasil, foram perdidos 3,3 milhões de postos de trabalho com carteira assinada, sendo um milhão a menos somente de 2016 para 2017, depois que o ilegítimo Michel Temer (MDB-SP) assumiu por meio de um golpe de Estado.

Com Temer, o que subiu foi a informalidade. O número de trabalhadores por conta própria aumentou em 1,1 milhão de pessoas (4,8%) em 2017, em comparação ao mesmo período de 2016.

E a tendência é que os trabalhos fiquem cada vez mais precários. Segundo o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas, “faltam políticas públicas direcionadas para a criação de empregos decentes, além de uma retomada consistente da economia, com uma política econômica sólida e um projeto de desenvolvimento sustentável”.

Mais Sobre mundo do trabalho