politica

Fux: ilegalidade à jato contra Lula e tartaruga no auxílio-moradia

artigo | 09/02/2018 | Jeferson Miola

Luiz Fux se jogou de corpo e alma na caçada à jato do ex-presidente Lula.

Ele imita os fascistas da Lava Jato – procuradores, policiais federais, Sérgio Moro e os verdugos do tribunal de exceção da Lava Jato [TRF4] – que praticam todo tipo de atropelos e ilegalidades para implodir rapidamente a candidatura do Lula.

Mal assumiu a presidência do TSE, no discurso de posse já saiu garganteando a “nova e célere” jurisprudência que pretende criar no tribunal eleitoral para detonar a candidatura do Lula.

Em evidente alusão ao líder absoluto de todas as pesquisas eleitorais, o recém-empossado presidente do TSE logo de largada declarou que “ficha suja é irregistrável”.

Fux, com isso, cometeu 2 pecados indesculpáveis: [i] deu por transitado em julgado um processo que, além de farsesco e manipulado, ainda se encontra em andamento, e [ii] prometeu impor uma restrição absoluta ao direito de registrar candidatura que só caberia na cabeça infame de um soberano totalitário ou de um agente de ditadura.

A pressa do Fux verificada na perseguição ao Lula contrasta, todavia, com a lerdeza de tartaruga no julgamento do obsceno auxílio-moradia para a aristocracia pornográfica do judiciário.

Vale lembrar que Fux sentou em cima do processo do auxílio-moradia mais de 4 anos. Com a lerdeza de tartaruga, ele trancou a votação sobre o assunto no STF, permitindo que mais de R$ 5 bilhões fossem embolsados pela casta aristocrática do judiciário no período – 5 vezes mais do dinheiro de corrupção que a Lava Jato propagandeia ter “recuperado” para a Petrobrás.

Um detalhe: na ausência de previsão legal e constitucional, o soberano Fux criou uma regra própria, e universalizou a concessão do escandaloso privilégio de R$ 4.300 mensal a todos os juízes.

Por decisão do soberano Fux, o privilégio passou a ser pago inclusive para aqueles juízes cônjuges de outros juízes, como também para aqueles juízes proprietários de 1 imóvel na cidade onde trabalham e residem e, assombro geral, também para aqueles juízes muito bem aquinhoados e excelentes gestores de carteira imobiliária, proprietários de mais de 60 imóveis na mesma cidade onde trabalham e residem.

O patético Fux agora quer andar à jato na perseguição ao Lula.

Mais Sobre politica